terça-feira, 10 de maio de 2022

Rosas



“AS ROSAS 

Quando à noite desfolho e trinco as rosas 

É como se prendesse entre os dentes 

Todo o luar das noite transparentes, 

Todo o fulgor das tardes luminosas, 

O vento bailador das Primaveras 

A doçura amarga dos poentes, 

E a exaltação de todas as esperas."

SOPHIA DE MELLO BREYNER ANDRESEN






Mena



quarta-feira, 20 de abril de 2022

Sonho de uma flor

Não dei por a Primavera chegar!

Não senti vontade de olhar as flores.

Como se estas tivessem perdido o brilho e a cor  no meio do cinzento e negro das nuvens de destruição, desespero e morte que assolam um país da Europa, a Ucrânia. Invadida pela Rússia  e devastada por uma guerra que não poupa a população que não conseguiu fugir...

Foram arrazadas escolas, creches, hospitais, zonas de habitação numa escalada de violência sem sentido e sem razão!

A Primavera deixou de ter importância e as flores silvestres quase me passaram despercebidas.

Mas se eu não olhei as flores, uma atravessou-se no meu caminho. 

Uma planta de papoila nasceu entre as pedras da calçada.

Floresceu...

E aquela flor solitária sonha com um campo verde salpicado de papoilas em flor

Onde não está sozinha!






                                Será que as flores sonham?

Estas fotografias dos campos de papoilas em flor são de outros anos.
 Este ano ainda nem olhei os campos. 
Ou melhor, olhei mas não os vi com o  colorido de outrora!
Mena




sexta-feira, 4 de março de 2022

Invasão da Ucrânia

 

TEMPOS DIFÍCEIS

Invasão da Ucrânia

O mundo mudou dia 24 de Fevereiro de 2022!

Era impensável em pleno seculo XXI ver a Europa em guerra!

Nada mais será igual.

Um pais independente foi invadido apenas porque quis escolher e seguir um caminho diferente do seu gigantesco vizinho!

A Rússia, ou melhor, Putin deu ordem para que a Ucrânia fosse invadida e subjugada, 

Mais de um milhão de pessoas, sobretudo mulheres, crianças e idosos já fugiram deste cenário de horror procurando refúgio nos países vizinhos mas muitos ainda tentam por-se a salvo. Várias gerações traumatizadas com a pandemia são  agora obrigadas  a fugir de um inimigo ainda mais perigoso.

Há homens piores que os piores vírus!

Os ucranianos tentam defender o seu país numa luta desigual. Resistem, lutam heroicamente  por eles e no fundo por nós  também.

Centenas de civis já foram mortos nesta guerra cruel e sem sentido.

As infraestruras do país estão a ser destruídas mas também escolas, hospitais e zonas residenciais. A Ucrânia está  defender-se duma bárbara e condenável invasão.

Os soldados que morrem aos milhares deixam em sofrimentos as suas famílias, sejam eles russos ou ucranianos.

Os russos que vivem noutros países da Europa não podem ser responsabilizados pelo que está  a acontecer e não merecem ser alvo de ameaças, Muitos deles, creio que a maioria, não concordam com esta invasão. 

Esta guerra não é em nome dos russos é em nome de Putin!

A História irá julgar quem ordenou a invasão da Ucrânia, está a destruir o país, ameaça o mundo com armas nucleares  e outras formas de destruição. Mas poderá já ser muito tarde.

Má sorte ser vizinho da Rússia mas nenhum país está a salvo!

Esta invasão é um atentado à liberdade e democracia pois se a Ucrânia cair nada irá deter o desvario expansionista do inominável.

Que o bom senso impere e que a Solidariedade, a Esperança e a Paz não sejam palavras vãs.

Durante algum tempo não irei fazer outro post mas irei acrescentado fotografias e  /ou textos a este.

A invasão da Ucrânia foi condenada por 141 Estados-membros das Nacões Unidas.


7 de Março de 2022

Muitos milhares não vão acordar, muitos milhões quando acordarem, na Ucrânia ou nos países para onde se refugiaram, vão  continuar a viver um pesadelo com o futuro incerto e o seu país destruído. 
Toda a ajuda é pouca...

A fotografia foi retirada da internet


Hoje é dia 19 de Março 
A Ucrânia continua a ser destruída pela Rússia. 
Como não conseguiu subjugar a população, está a arrasar o país e a matar civis que ainda não conseguiram ou não podem fugir.
Os ucranianos continuam a lutar sozinhos!
Milhões de pessoas em fuga...
Na minha cabeça ecoa a voz desesperada pela dor e revolta duma mulher já idosa que dizia:
Que mal fizemos nós?
Destruíram as nossas casas, vivemos em caves ...
Matam as nossas crianças.
Roubaram o futuro dos nossos filhos e netos.
Destruiram o nosso país.
Somos culpados de quê?

Enquanto falava com a voz embargada pelo choro, atrás dela mulheres e crianças saíam dum abrigo subterrâneo na direcção dos veículos da Cruz Vermelha. À sua volta tudo destruído!
Tantas crianças ao colo... Algumas levavam na mão bem apertado um boneco de conforto. Outras mal sabiam andar e lá iam levadas pelas mães ou irmãos mais velhos. Algumas choravam e outras tinham o olhar parado de incompreensão e medo. 
Estas imagens ficam gravadas na minha cabeça, tiram-me o sono e causam-me uma dor imensa...
E quem pode ajudar a parar esta guerra não faz nada?

Passou um mês e o pesadelo continua...

O julgamento da História não será suficiente !
E o dos homens já vem tarde demais!
Algumas fotografias foram recolhidas da internet e não têm o autor identificado. Se pretender que sejam retiradas basta referi-lo no espaço dos comentários.
Mena


domingo, 20 de fevereiro de 2022

Galeria virtual

O isolamento, devido a ter testado positivo a Covid, teve destas coisas! Fiz várias visitas virtuais a museus, um pouco por todo o mundo. Foi uma viagem fascinante que de outra forma nunca farei...

Algumas obras de arte expostas, sobretudo de arte contemporânea, certamente valiosas, não as queria nem para o meu sótão! 

Heresia, dirão alguns...

Questiono-me muito sobre "O que é Arte?"

O que determina o valor da arte? 

Quais os factores a ter em conta para que certo quadro, escultura ou instalação artística valha zero, um ou milhões de euros? Quem lhe atribui esse valor? Quem certifica o valor da arte?

Mas arte não são só a pintura ou a escultura.

Também são formas de arte a música, o teatro, o cinema, a dança, a escrita ... E aqui o seu valor é mais objectivo e consensual, pelo menos para mim.

Agora em relação à pintura e escultura tenho muitas dúvidas, sobretudo na arte contemporânea...  

Olho uma tela pintada de preto com uma pinta branca e tenho que achar que estou "olhando o infinito"? 

Ou que uma sanita com um vaso de flores dentro é um "jardim encantado"? 

Uma sala  com o chão cheio de pedras da calçada com azulejos partidos por cima é um "passeio no desconhecido"? Estes são só alguns exemplos...

Certamente que para quem as idealizou e realizou são bastante significativas e muitos dos visitantes as sentem assim mas eu não consegui ir para além do que estava a ver. Não houve emoção, nem qualquer ligação à obra  exposta.

Enquanto continuo a pesquisar, aprender e reflectir sobre o tema, resolvi fazer uma exposição virtual de algumas fotografias de minha autoria. 

Atenção que não são obras de arte apenas fotografias em suporte digital, registos congelados no tempo de momentos de uma realidade que foi minha e agora partilho convosco.

Façam favor de entrar, passear à vontade e, se o entenderem,  dar a vossa opinião.

Sala 1:Mar


Sala 2:Girassóis 


Sala 3 e 4:Fragilidades - O mundo é uma "bola de sabão"
Todos os seres vivos e seres não vivos estão ligados e habitam nesta frágil "bola de sabão" que é a Terra.


Salas 5, 6 e 7:Maravilhas da Natureza





Salas 8, 9, 10 e 11:Cores das Flores







Salas 12 e 13:Despedida do Sol


Sala 14:Clásssicos


Cansados? 
Sentem-se um pouco no sofá da sala. 
Os quadros foram feitos a partir de fotografias com com efeito pintura.


Obrigada pela visita!

 As salas da minha galeria  são fotografia da internet



domingo, 6 de fevereiro de 2022

Jardim Virtual

 Este é o jardim possível, feito com alguns efeitos nas minhas fotografias de plantas!

Queria mesmo era ter ido ver as velhas  amendoeiras em flor mas só já irei a tempo ver as dos amendoais intensivos que invadem quase todo o Alentejo.

Estou em isolamento já há alguns dias!

Agora é ter ainda mais cuidados para proteger o meu marido que está negativo e esperar que passem os dias...

Depois de três doses de vacina, de quase ficar sem a pele das mãos com tanto álcool gel, gastar uma fortuna em máscaras que andava sempre a usar e achar que cumpri todas as normas, o teste acusou positivo...

Mas as vacinas foram muito importantes pois, até agora, estou relativamente bem!

Sei bem que cada um de nós é uma espécie de galáxia para os milhões de micro-organismos que vivem dentro de nós mas estão lá na vida deles e  certamente a influenciar a nossa saúde positivamente se os tratarmos bem mas ninguém gosta de saber que anda a transportar vírus que  arranjam mil "disfarces", vão esgotando as letras do alfabeto grego e têm causado e continuam a causar graves problemas de saúde e a morte a milhões de pessoas!  

Não podendo sair, fui dar volta aos meus ficheiros com milhares de fotografias de plantas e paisagens!

E aconteceu este jardim!

Bom passeio...

































Mena